sábado, 26 de setembro de 2015

Não há tempo a perder



Triste chato
Chiclete no pé
Diz que delícias no parque é tesão
E quando deita na grama...
Só discute o bobão
O tempo é tão rápido
Só de pensar já se foi
Vive só esperando o amanhã
Jogando fora...
O agora todo na mão




Seguir por Email

Translate

Total de visualizações de página

Estatísticas